quarta-feira, 3 de março de 2010

Todo mundo quer por a mão na Bolsa Família

Ontem a noite a Comissão de Educação do Senado aprovou uma proposta de lei que inclui um adicional ao Bolsa Família para crianças e adolescentes que tiverem melhor desempenho escolar. Para os defensores do projeto só a verificação da presença em sala de aula não bastaria, pois os professores sensibilizados com a situação das famílias fariam "vistas grossas". E que seria necessário assegurar o "sucesso escolar" Já ouvi posições do Governo (SEDH), da sociedade (FÓRUM DCA), INESC todas questionando a idéia de associar o sucesso escolar ao benefício financeiro. Há ainda o argumento de que na proposta os resultados da educação sejam atribuídos exclusivamente ao aluno sem questionar a qualidade e o contexto no qual acontece. Vejo muitos pontos de debate mas nenhuma vantagem real para os milhões de estudantes brasileiros. O que eu vejo é que o período eleitoral que se aproxima vai ser fértil destas idéias que longe de querer beneficiar os direitos da criança, situam-se exatamente no campo de tirar alguma vantagem do sucesso eleitoral que representa o Bolsa Família.

Nenhum comentário:

Postar um comentário